MFL 2018 - Clique aqui para conferir!


diário de bordo Selecionado PREMIADO


filme que parte de uma experiência pessoal para pensar como a distancia afeta na percepção do que se passa em um lugar ou situação. qual a possibilidade ou impossibilidade de conexão com realidades em outros territórios e como a realidade de um lugar afeta a realidade pessoal e sentimental de cada um. o filme foi uma proposta de edição durante apenas um dia de imagens feitas aleatóriamente e sem propósito definido durante viajens naquele mês.
Direção: Bruna Lobo
Duração: 12min
UF/Ano: RJ/2016
Classificação Indicativa:
Equipe: Montagem Bruno Caracol. Filme realizado durante vivência proposta por Movimento e Gato Aleatório em Boticas, Portugal. Agradecimentos a todos que diretamente ou indiretamente fazem parte deste filme.

Contato: bruna gama lobo - bru.lobo@yahoo.com.br

Texto Premiação


Bruna Lobo, realizadora de Diário de bordo (2016), propõe um filme em torno de si e do mundo ao seu redor. É principalmente um filme que torna evidente suas distâncias: entre o Rio de Janeiro e as cidades europeias, entre a realidade desejada e a dureza de um momento político dolorido no país que ela sente na pele, de longe, pelas fotos e mensagens das janelas virtuais que vazam pela tela rachada do celular e contaminam a sua câmera e o seu olhar. Olhar através de janelas. Medo, desejo e distância. Imagens muito fortes nos chegam, como para Bruna, pelo whatsapp. Errar é humano.

Scheilla Franca

PROGRAMAÇÃO


(informações fornecidas pelos filmes no ato da inscrição online)